Como prevenir o entupimento da pia da cozinha

O entupimento da pia da cozinha é algo comum de acontecer no dia a dia. Podem acontecer entupimentos leves em que a água apenas demora a escoar, ou até entupimentos totais onda a água não desce pelo ralo.

Existem diversos métodos para desentupir as pias, os mais comuns são os desentupidores de borracha, a limpeza da caixa de gordura, limpeza do sifão da pia, soda cáustica, entre outros. Antes de começar a pensar qual estratégia usar, é preciso saber quais são os fatores que contribuem para o entupimento da pia e quais são as melhores maneiras para evitar que isso aconteça novamente.

Por que entope? Como evitar?

Prevenir é sempre a melhor opção! Prefira a utilização de tubos mais largos e evite fazer curvas ao planejar o encanamento. Com mais espaço e sem quinas, é mais difícil algum objeto grudar no cano e provocar o entupimento.

As melhores maneiras de se evitar um entupimento na pia é tomar cuidado com o que se descarta. Os quatro maiores inimigos do ralo de cozinha e como evita-los são:

  1. Óleo de cozinha: para descartá-lo de forma correta, coloque em um recipiente com tampa (garrafa PET ou embalagem de vidro) e entregue à coleta seletiva ou nos postos de coleta; esses insumos não são diluídos em água, e além de causar entupimentos da pia da cozinha, acabam dificultando a limpeza do esgoto nas estações de tratamento.
  2. Pó de café: jogue sempre no lixo! Aparentemente inofensiva, a borra de café é uma das maiores vilãs quando se trata de pias de cozinha. Aquele resto de pó de café costuma colar nas paredes dos canos junto com a gordura dos utensílios, formando um bolo pegajoso que a água não consegue ultrapassar.
  3. Espuma do sabão: a espuma, com o tempo, vai sedimentando e acumulando juntamente com outros detritos sólidos nas paredes do tubo, reduzindo ou até obstruindo o escoamento. Para evitar essa situação, deixe escorrer toda a espuma da pia para o ralo e deixar alguns segundos a água da torneira ligada.
  4. Gordura e restos de comida: a gordura gruda na tubulação antes de chegar na caixa de gordura, e faz com que os restos de comida fiquem presos nesses sedimentos de gordura grudados no cano, deixando a passagem de água cada vez mais difícil.

Para não entupir a pia da cozinha, jogue os restos de comida em um lixo, limpando os pratos antes de lavar a louça. Também é necessário retirar o excesso de gordura dos pratos com um pedaço de papel para que não vá para o encanamento.

Na hora do preparo de alimentos, é bom também tampar a entrada do ralo com uma rede/peneira, evitando que as cascas, folhas e restos caiam dentro da tubulação. Pontas de embalagens e etiquetas também devem ser descartadas, pois podendo causar sérios problemas no encanamento.

Uma dica importante é ferver 2 litros de água e jogar no ralo da pia da cozinha, tanto para evitar que entupa quanto para desentupir a pia da cozinha, fazendo com que a gordura desgrude da tubulação e vá para a caixa de gordura. Se atente em não jogar água fria depois da quente, é preciso deixar os tubos esfriarem naturalmente.

O desentupimento pode ser feito ainda, com produtos à base de soda cáustica, despejado no ralo da pia. O produto age por alguns minutos e depois é limpo com água corrente, sem que tenha a necessidade de contato com este produto, pois é perigoso e tóxico, então deve ser usado longe de crianças e com muito cuidado.

Mas caso não consiga desentupir, mesmo seguindo essas dicas procure por profissionais qualificados. Aproveite as dicas do Engeblog. Os cuidados e manutenção da sua casa ficarão muito mais fáceis com a nossa ajuda!

 

Dicas para escolher corretamente o piso para sua casa

Está pensando em reformar ou construir a sua casa e tem dúvidas sobre a escolha dos pisos e revestimentos? Reunimos aqui 7 dicas de como escolher o piso corretamente e facilitar esse processo de escolha.

Dica 1 – Faça a opção de pisos que não escorregam para o banheiro. Uma sugestão é o porcelanato que não seja polido.

Dica 2 – Não existe uma cor ideal para o piso do banheiro, tudo vai depender do tamanho do ambiente e do que você deseja transmitir nesse espaço.  Para dar sensação de amplitude, vale investir em cores mais claras. Cores vibrantes, tornam o cômodo sofisticado e criativo.

Dica 3 – O piso da cozinha não pode escorregar e nem pegar muita gordura. Assim como no banheiro, ele não deve ser escorregadio para evitar acidentes.

Dica 4 – Cores e estampas variam conforme a disposição do ambiente. Se você tem uma cozinha aberta para a sala, deve pensar no piso desses dois espaços em conjunto. Nesse caso, pode-se investir em um piso mais colorido. Para cozinhas fechadas e menores, é indicada a utilização de cores claras.

Dica 5 – O piso da sala deve ser escolhido de acordo com o uso e do que você deseja. Se a sala for bastante utilizada, vale a pena investir em um piso de fácil manutenção, como o porcelanato ou um piso vinílico que imita madeira.

Dica 6 – Separe os pisos de acordo com as portas. Se a sua sala dá para um corredor e, entre esses dois espaços, não há uma separação física (como uma porta), mantenha o mesmo piso. Isso dará ao ambiente a sensação de amplitude.

Dica 7 – O piso para área externa depende das características do espaço, se é aberta ou fechada, e se é coberta ou não. Se o espaço for coberto, mas aberto, vale a pena investir em um piso antiderrapante para evitar tombos em dias chuvosos. Se for descoberto, prefira o antiderrapante.

Na Engeluz de Búzios, você conta com a consultoria da nossa Designer de Interiores que te ajudará com essas e outras dicas para reformar ou construir com estilo e economia. Curta nossa página nas redes sociais e acompanhe as dicas do nosso Engeblog.